I love my followers!

sábado, 26 de maio de 2012

A Receita Desastrosa e o Novo Post

Olá, meninas e meninos! Havia pensado num post gostoso para hoje: uma receitinha de cookies. Para isso, ontem fui para a cozinha e preparei uns cookies deliciosos, muito bons mesmos. Comemos, eu , marido e filho, no lanche e os que sobraram, guardei num pote. À noite sentei, feliz da vida, para fazer minha postagem e peguei um cookie. Quando mordi, quase perdi os dentes! Os danados ficaram duros que nem pedra! Aff... que decepção... Mas por um lado foi bom eu ter experimentado outro horas depois de feito. Imagine se eu tivesse me impolgado e publicado a receita mais cedo? Agora teria que pagar dentista para todo mundo! rsrsrsrs
Bom, devido ao imprevisto, venho com uma postagem completamente diferente da que eu tinha pensado, mas muito interessante. Recebi esse email de uma amiga e decidi compartilhar com vocês, pois gostei demais. Espero que vocês também gostem!

*                      *                            *

Dificuldades de Memorização

 Você não lembra onde colocou a chave do carro? Sempre esquece o celular em casa? 
E o que nos faz lembrar de uma detalhada história ocorrida no passado? Como deixamos fluir naturalmente longas canções? Por que nunca nos esquecemos de como se dirige um automóvel ou uma bicicleta? 
A memória é uma faculdade cognitiva extremamente importante porque ela  forma a base para a aprendizagem. Se não houvesse uma forma de armazenamento mental de representações do passado, não teríamos uma solução para tirar proveito da experiência. A memória envolve um complexo mecanismo que abrange o arquivo e a recuperação de experiências, portanto, está intimamente associada à aprendizagem. Assim, aprendizagem e memória são o suporte para todo o nosso conhecimento, habilidades e planejamento, fazendo-nos considerar o passado, nos situarmos no presente e prevermos o futuro.
Não é totalmente errado afirmar-se que memória e inteligência são essencialmente a mesma coisa. Isto porque a função intelectual só é possível a partir das informações que temos registradas na memória. Ninguém consegue pensar sobre o que não sabe, no entanto, consegue pensar muito bem se tiver "armazenadas" boas informações a respeito do assunto.
Todos nós sabemos, entretanto, que é tão fundamental "aprender" quanto "lembrar. Sem "lembrar" das coisas que estudamos, toda esta aprendizagem perde o seu valor prático e não nos serve para nada.
Repare como as pessoas têm sérias dificuldades para decorar um texto de apenas três linhas e, no entanto, conseguem memorizar dezenas de músicas e conseguem se lembrar delas, muitas vezes, a partir de apenas uma nota. E sabe por que as pessoas conseguem memorizar mais facilmente uma música do que uma poesia? É simples: é porque a música não faz "cobranças intelectuais"; ela penetra diretamente no subconsciente, exactamente porque a pessoa está "descomprometida" com a razão enquanto ouve.
 
 Como Testar Sua Memória


Descobrir o estado de sua memória é o primeiro passo para tentar melhorá-la. Teste sua memória para descobrir se aquelas falhas que ela tem de vez em quando são normais.
Você já foi passear em um shopping e se esqueceu completamente onde estacionou o carro? Você já foi a uma loja e não conseguiu lembrar o que foi comprar lá? Você já entrou em uma sala e esqueceu por que estava lá? Já esqueceu o que ia dizer bem no meio de uma conversa?
Se estas coisas acontecem quando você tem 20 anos, você provavelmente nem pensa sobre elas. Aos 40, você pode começar a ficar preocupado com o "envelhecimento. Aos 60, muitas pessoas podem entrar em pânico e ficar preocupadas com tais falhas: "isso poderia ser o primeiro sinal do mal de Alzheimer?"À medida que você envelhece, mais tende a se preocupar com problemas de memória e e quanto mais você se preocupa com eles, mais irá perceber cada um deles. O interessante é que você esquece uma série de coisas da sua adolescência ou de quando tinha 20 anos, mas nunca havia notado.
Mas esquecer onde o carro está estacionado ou onde você deixou seus itens pessoais é, normalmente, muito comum. É conhecido como o "esquecimento diário" normal que envolve tarefas que fazemos todos os dias, às quais não prestamos atenção.
Vamos fazer um pequeno teste para avaliar nossa memória?

 Teste de Memória Simples

1. Memorize estas palavras: maçã, televisão, carneiro
2. Memorize este nome e endereço:
João Ninguém
Av. Brasil, 1.500
Porto Seguro, BA
3. Você apresentou alguma dificuldade além da normal nas últimas semanas?
4. Lembrar de listas tem sido uma tarefa mais difícil?
5. Você notou queda na sua capacidade de calcular, de cabeça, a gorjeta do restaurante ou o troco correto?
6. Você tem esquecido de pagar suas contas?
7. Você já teve dificuldade para lembrar nomes?
8. Você tem dificuldade de reconhecer as pessoas que deveria conhecer?
9. Você teve dificuldade para encontrar a palavra que queria dizer?
10. Você já teve dificuldade em se lembra como fazer tarefas simples como usar um microondas ou um controle remoto?
11. Os lapsos de memória têm interferido em seu desempenho no trabalho?
12. Os lapsos de memória têm interferido em suas atividades em casa?
13. Os lapsos de memória têm interferido em situações sociais?
14. Diga o nome dos três últimos prefeitos de sua cidade.
15. Diga o nome dos cinco últimos presidentes do seu país.
16. O que você jantou nas últimas duas noites?
17. Quais foram os dois últimos filmes que você assistiu?
18. Escreva as três palavras que você teve que memorizar no início deste teste.
19. Escreva o nome e endereço que você teve que memorizar no início deste teste.
Pontuação
Some um ponto para cada "não" nas questões 3 a 13 (máximo 11 pontos).
Some um ponto para cada lacuna preenchida corretamente nas questões 14 a 19 (máximo 21 pontos).
Se você atingiu:
28-32  - Parabéns! Você tem uma memória acima da média.
22-27 - Bom, mas seria bom se você fizesse exercícios de memória.

15-21 - Sua memória anda meio fraca; exercícios de memória podem ajudá-lo a melhorar sua memória.
0-14 - Você deve buscar avaliação médica.

Dicas Para Manter a Saúde Mental e Estimular a Memorização de Informações





 Repita bastante, seja redundante!
A redundância é uma boa maneira de exercitar a mente: Faça com que a mesma informação entre na memória de várias maneiras. Para memorizar uma palavra podemos escrevê-la com cor diferente, tamanhos distintos, utilizar o tato e, claro, a audição.


 
 
 
 
 
 
 

Durma bem! Quem dorme menos que seis horas por dia pode ter falhas de memorização. O sono é importantíssimo nesse processo. 












 Mexa-se! Para beneficiar a mente, os exercícios  precisam incluir força. Pode ser uma caminhada vigorosa ou musculação, mas estudos comprovam que apenas exercícios que incluem força promovem o nascimento de novos neurônios.






 Alimente-se bem! Para os esquecidos, vale acrescentar à rotina alimentos como derivados do leite, peixe, laranja, ovos, brócolis, pão,  morango, uvas, acerola, repolho roxo, verduras vermelhas, cenouras, entre outros.




 Exercite a mente! Palavras cruzadas são ótimas, mas estimulam apenas a área do cérebro que lida com a lógica. É preciso desafiá-lo a partir do pensamento, percepção auditiva e visual. Viajar, voar de asa delta ou entrar em um curso podem ser verdadeiros estimulantes cerebrais. Uma dica antiga – e útil – é procurar aprender uma coisa nova por dia. Quem teve uma vida sem desafios terá uma mente menos ativa. 

*                                     *                                       *

E se você realmente tiver uma boa memória, lembre-se de uma receita de cookie (que não vire pedra!) e envie para mim! rsrsrs
Bjoks e um ótimo final de semana!

14 comentários:

  1. rsssssssssss...Isso acontece!!! E pagar dentista? Tá louca,heim? É dooooooooooosemrsrs!! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. comigo aconteceu a mesma coisa quando fiz uns pasteis,o pior è que era meu aniversario e eu tinha convidado uns amigos e os pasteis ficaram tao duros, que ninguém conseguiu comer.
    bom inicio de semana

    ResponderExcluir
  3. Menina adorei o post! Me perdi toda no teste das cores...e adorei as dicas para a memória, pois vou confessar que sou muito esquecida...ou talvez distraída!
    Adorei ler...parabéns! Uma boa noite para vc e obrigada pela visita!
    Bjs e um ótimo domingo!
    CamomilaRosa

    ResponderExcluir
  4. Ótimo e oportuno texto! Amei.
    Tem me acontecido cada uma...Rsrs
    Acho que estou precisando dessas dicas
    para memorização.
    Abraços! Um domingo abençoado pra ti.

    ResponderExcluir
  5. OI MINHA QUERIDA SABE QUE VC FALOU DE UMA COISA QUE TEM ME INCOMODADO DEMAIS ULTIMAMENTE TENHO ESTADO MUITO ESQUECIDA JÁ PROCUREI ATÉ O MEDICO VOU FAZER ESTES TESTES ,BJÃOOOOOOOO

    ResponderExcluir
  6. Oiê !
    Passando pra desejar um excelente fim de semana. http://casascoisaseoutros.blogspot.com.br/
    Beijo e paz no seu ♥ !
    “Desejo que encontre maneiras para se fazer feliz no intervalo entre o instante em que cada dia acorda e o instante em que ele se deita pra dormir... Que se sinta livre e louco o bastante pra deixar a sua essência florir.’(Ana Jácomo)

    ResponderExcluir
  7. Oi querida, dei rosada com sua historia de cookies! É assim mesmo, acontecem imprevistos, quantos eu já errei!!!
    Mas adorei as dicas da memoria, preciso exercitas a minha!!!
    Felicidades para o dia de hoje!
    Beijos grandes
    Canela

    ResponderExcluir
  8. Oi Flor do Campo,
    Outro dia fiz um bolo que se jogasse na cabeça de alguém, com certeza era traumatismo craniano.
    Acontece rsrsrsrsrs
    Adorei a dica da memoria.

    Beijos eum lindo domingo
    Andrea

    ResponderExcluir
  9. Oie!
    Muito legal o post!
    Eu uso uma técnica de memorização que é por associação...
    Nomes por exemplo...associo o nome de uma pessoa a outra conhecida e depois não esqueço mais. Outra técnica é montar uma histórinha na cabeça com as palavras...tipo
    "maçã, televisão, carneiro" imagine uma maçã aparecendo na tela da tv e a tv em cima de um carneiro... Assim dá para fazer uma histórinha com uma penca de palavras! hehehe São pequenos truques que dão resultado!
    Beijos querida e bom início de semana pra vc! :)

    ResponderExcluir
  10. Adorei a sua postagem de hoje,muito util!E quanto aos cookies, isso acontece!...rss...eu nem sei fazer cookies!Vou aguardar uma receita!bjs,

    ResponderExcluir
  11. Minha memória é razoavelmente boa,ainda bem!
    Para provar,assim que encontrar uma receita boa de cookies,te mando,tá?
    Beijo e uma excelente semana!

    ResponderExcluir
  12. Adorei o post,que peninha o cookies ter ficado duro beijos

    ResponderExcluir
  13. Vamos descobrir o que saiu de errado...me manda a receita!!! Bjks, saudades

    ResponderExcluir