I love my followers!

sexta-feira, 7 de março de 2014

Manifesto dos 40 anos

Sabe como a gente descobre que uma pessoa está fazendo 40 anos? Pelo sorriso. Não é o sorriso explosivo dos primeiros 15 aniversários. Ou o sorriso comportado que acompanha a data até mais ou menos os 30 anos. Ou o sorriso preocupado das comemorações seguintes. O sorriso de quem faz 40 anos não é bem um sorriso. É um troço congelado no rosto, dois lábios que se alongam sem querer exatamente sorrir.

É mais ou menos nesta época que a gente se dá conta de duas coisas:

Nosso corpo não é mais o mesmo. Ele vai se desfazendo, como um sorvete sob o sol. Aparece uma barriga que a gente não sabe de onde veio, e que não pretende ir a lugar algum.
Nosso rosto não é mais o mesmo. Às vezes diante do espelho eu vejo uma mulher de 40 anos, e tenho que me lembrar de que ela sou eu.

Tem algo mais que acontece quando se faz 40. É a noção de que se não formos atropelados por um carro ou por um câncer estamos chegando na meiuca da vida. Em algum momento próximo a ampulheta vai começar a ter mais areia embaixo do que em cima, e isso muda tudo. Dá vontade de correr na direção contrária da escada rolante. Fazer as coisas que a gente tinha deixado pra depois, porque o depois chegou.
No meu caso eu voltei a escrever. Aprendi a fazer peru de Natal. Comecei a meditar. E pra manter a forma arranjei um professor de ginástica de Kosovo. Aquele homem grita MOOVING no meu ouvido como se estivesse na guerra, e eu corro pra qualquer lado com medo de perder o bonde pro campo de refugiados.
Mas existe uma coisa que vai além de todas essas. É algo que eu sempre quis responder, mas estava ocupada demais sendo jovem, onipotente e supostamente imortal: como é que a gente faz pra ser uma pessoa mais legal do que aquela de 20 e 30 anos?
Se eu pudesse encontrar a mulher que fui no passado seria pra encher a bunda de palmada. No processo de me tornar adulta eu machuquei muita gente. Tenho amigos que não ouvi, colegas que magoei. Ex-namorados que até hoje correm de mim, sabe-se lá se eu carrego alguma faca. O leite já foi derramado, e não adianta chorar. A boa notícia é que sobrou metade no copinho.
E é isso o que passou a importar pra mim aos 40 – como é que eu faço pra não derramar a metade do leite que sobrou no corpinho? Como é que a gente faz pra ser uma pessoa melhor?
Não é só fazer ioga e dar bom dia pro porteiro, porque dar bom dia pro porteiro é fácil. O difícil é não discutir com a mãe. Ter paciência com os filhos. Não brigar com o marido. Deixar de falar mal do chefe, deixar de falar mal de seja lá quem for, mesmo que a pessoa mereça muuuuito. Não deixar os pinguinhos de xixi na tampa do vaso do restaurante. Não xingar o cara que te cortou no trânsito. Difícil (isso é praticamente impossível) é tratar bem a operadora de telemarketing, e a infeliz da vendedora que recebeu o carma de te seguir pela loja.
São estas as minhas prioridades a partir dos 40. Se eu consigo fazer alguma delas fico um pouco mais em paz, e é isso que a gente começa a buscar quando fica mais velho: a gente quer um pouco mais de paz.
Quando essa paz aparece o sorriso de uma pessoa de 40 anos deixa de ser congelado pra se tornar sincero. Não é de todo ruim, pensamos, e os lábios se abrem um pouco mais. A gente só tem que tomar cuidado pra não apertar os olhos enquanto ri, que é pra não despertar as ruguinhas dos lados.

Martha M. Batalha

7 comentários:

  1. Adorei esse texto.Muito bom! mas o que sobra pra mim,com 65? Se com 40 desmorona como sorvete?rs Melhor nem pensar e dizer! beijos e
    ≈ ☆≈≈≈☆≈≈≈☆≈≈≈☆≈≈≈☆≈≈≈☆≈≈≈☆
    .:*♥*:._.:*♥*:._.:*♥*:._.:*♥*:._.:*♥*:.
    ≈ ☆≈≈≈☆≈≈≈☆≈≈≈☆≈≈≈☆≈≈≈☆≈≈≈☆

    Parabéns pelo nosso dia!! chica

    ResponderExcluir
  2. Achei o texto maravilhoso e de muito bom gosto.
    Parabéns a ti e todas as suas seguidoras pelo dia internacional da mulher.

    ResponderExcluir
  3. Oi Minha Linda
    Eu estou bem! Só no corre corre rsrsrsrsrs
    Sua postagens são maravilhosas

    Um Beijo enorme no seu Coração
    Andrea

    ResponderExcluir
  4. Um texto ótimo vc escolheu! E espere até chegar aos 50...rss...obrigada por sua visita sempre tão amiga! bjs e boa semana!

    ResponderExcluir
  5. Entrei aqui sem querer e já estou adorando.
    Bjs doces.

    ResponderExcluir
  6. "Desejo que alegrias e bênçãos
    se reproduzam que nem coelhos em nossas vidas!"
    Feliz Páscoa!!!
    E um abraço cheio de paz! :)

    ResponderExcluir